Livraria Cultura

9.9.14

Agenda: Seminário Copa do Mundo - Legados para a segurança pública no país

Antes da Copa, um seminário foi realizado pela FIESP buscando soluções e metas para a ter um legado para a questão da segurança. Agora, após realizado um dos maiores eventos esportivos, faz-se um novo seminário, com os legados, que podem muito bem servir de base para correções e continuidade ou aborto para os Jogos Olímpicos de 2016. 

A inscrição é gratuita e o evento será realizado na FIESP, na Av. Paulista, 1313, em SP. 




26.8.14

Projeto do antigo Maracanã pode virar maquete

Dificilmente colocaria esse tipo de projeto aqui no blog, já que não me vinculo de qualquer forma com os autores, mas como tem muito a ver com a arquitetura de estádios, divulgo e quem se interessar, tem mais informação diretamente no site do Catarse.

A idéia é reconstruir o Maracanã de antigamente, antes da reforma, em um projeto de design de produto. Uma memória física para os que tem memórias imateriais da vivência do maior estádio brasileiro, antro repleto de histórias.


O projeto foi colocado no Catarse, site colaborativo que oferece benefícios correspondente ao valor investido no projeto. O que é interessante é que a maioria dos benefícios oferece a própria maquete como forma de retribuição, variando de tamanho, por um valor menor do que normalmente se encontraria nas lojas e com qualidade infinitamente melhor e mais artística que as miniaturas que a FIFA vendia durante a Copa do Mundo 2014 em suas lojas oficiais. (Foto abaixo)

Miniatura FIFA acima


O projeto tem um prazo de 2 dias para se encerrar e só será executado caso atinja a meta. Como a meta é feita eu não sei, mas vai de cada um ver o regulamento, ponderar e o dinheiro é devolvido caso o projeto não atinja o valor. Portanto, quem se interessar, todas as informações estão no Catarse.

 

*O Blog Gol Da Arquitetura se isenta de qualquer problema ou transtorno do projeto com o investidor. Esse post é meramente de divulgação.

7.7.14

Identidade dos estádios da Copa 2014

O tema 'Copa do Mundo' desperta um turbilhão de idéias em inúmeras áreas e o arquiteto/ilustrador português André Chiote fez ilustrações dos principais estádios da Copa do Mundo 2014, mostrando um pouco da importância visual da arquitetura dos estádios. Pequenos trechos devem ser capazes de destacar e fazer-nos reconhecer a identidade de um estádio. Muitas vezes já elenquei motivos pelos quais a forma do estádio deve ser desenvolvida, única e valorizada, afinal, é essa imagem na memória coletiva que pode fazer o estádio gerar rendas de inúmeras formas. 

Abaixo alguns dos pôsteres do arquiteto:





Não é a primeira vez que ele faz esse tipo de trabalho e outros estádios e equipamentos esportivos já foram alvos de seu olhar.





Para ver mais sobre seus trabalhos e até de arquiteturas não esportivas, é só conferir no site do André Chiote.

Não estou entrando no mérito da ilustração, mas em como podemos identificar os estádios por texturas, cores, formas, mesmo sem ler. É isso o que os torna únicos, o que os torna desejáveis e considerados como ponto de visitação durante viagens, referências urbanas e futebolísticas. 

Senti falta de um beira-rio! Não?

*Obviamente, por conta da Copa do Mundo não estou tendo tempo para abastecer o blog, mas podem ter certeza que tudo que tiver de melhor, pior e inusitado vai aparecer aqui no blog assim que a Copa acabar. 

31.5.14

Evento teste em Itaquera deve testar cadeiras numeradas

Neste domingo se enfrentam Corinthians e Botafogo na Arena Itaquera e a partida será um segundo evento teste para a Copa do mundo que começa em duas semanas.

O evento corrigirá problemas relatados na partida anterior e testará novos itens e serviços que antes estavam indisponíveis. 
No evento já estarão trabalhando voluntários FIFA que já iniciaram a escala da copa do mundo, voluntários que estão escalados só para o teste e voluntários do governo que orientam torcedores do metrô às imediações do estádio.

Agora o estádio conta com alguns assentos para obesos que antes não estavam instalados mas a principal questão a ser testada é a dos assentos numerados.

Os bombeiros não liberaram a venda total dos imgressos devido às obras das arquibancadas temporárias.

A organização tem plena noção da cultura brasileira em estádios, diferente da de cinemas e teatros onde somos acostumados a respeitar a numeração de assentos, mas em alguns setores vão tentar implementar o sistema. Como a venda do Corinthians é feita pelo fiel torcedor, fica difícil escolher assentos, o que dificulta que famílias e crianças fiquem juntos. Neste caso a conversa funcionará como forma de alocar todos lado a lado. O setor Norte, onde ficam as torcidas organizadas não será testado ainda, nem mesmo a equivalente à geral do Pacaembu pois o Corinthiano herdou os hábitos da antiga casa. 




Alguns itens são estranhos como o guarda corpo instalado que prejudica a visibilidade de cadeirantes e seus acompanhantes e também o trecho atrás da cadeira que poderia ser instalado em local que não atrapalhe a chegada e movimentação de um segundo cadeirante


Fotos:LILIAN OLIVEIRA (@liliandoliveira)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...